Mensagens, urgência e necessidades

Vamos falar e desabafar um pouquinho sobre mensagens, urgência e necessidades? Eu falo muito de produtividade e otimização de tempo. Auxilio aqui pelo blog e na consultoria ensinando a ser mais produtivo e usar melhor o seu tempo. Recomendo que cada um confira suas mensagens quando pode e não quando as mensagens chegam. Acontece que nunca falamos do outro lado da moeda, não é mesmo?

O outro lado da moeda nas mensagens

O que eu quero dizer com isso? Você recebe mensagens e só confere na sua pausa. Então porque as pessoas precisam ver e responder sua mensagem no momento que você enviou?

Acho justo respeitarmos o tempo da pessoa do outro lado. Cada um tem o seu tempo, cada um tem sua rotina e seus afazeres. Se nós queremos que respeitem nossa rotina quando estamos ocupados, não devemos pedir atenção imediata dos outros.

Tenho alguns amigos muito fofos que sempre me pedem desculpas quando demoram para me responder, mas não é necessário pedir desculpas por algo que é um direito seu. Você pode demorar o quanto quiser e responder se quiser. É uma atitude bem educada, mas não acho bacana uma pessoa se sentir culpada e se desculpar por usar seu tempo da maneira que acha melhor.

A necessidade das mensagens instantâneas

A popularização das mensagens e suas formas de envio tornou esse meio de comunicação algo extremamente instantâneo e fez com que as pessoas não se coloque no lugar do outro que está recebendo.

Quando ligamos para alguém, questionamos se essa pessoa pode falar. Por que não fazemos o mesmo com as mensagens? Ou simplesmente aguardamos um retorno quando aquela pessoa puder e quiser retornar?

Se você tem algo que é tão urgente que não pode esperar ser respondido, então ligue. Não é muito mais simples?

Mensagens não são ligações ou um papo pessoalmente. Não assuma que a outra pessoa pode te responder nesse momento, apenas aguarde o momento dela. E o mesmo serve para emails – se você fica enviando diversos emails com um “você viu o email abaixo?”, pare. Ligue para a pessoa se for algo realmente importante, dê um ou dois dias pra pessoa poder colocar na fila de afazeres dela.

Respeite o tempo dos outros para que respeitem o seu

Sempre que puder e lembrar, se coloque no lugar da outra pessoa. Às vezes ela está em uma reunião, às vezes em um lugar que não pode responder, às vezes ela simplesmente não se sente confortável em responder sua mensagem, às vezes ela nem viu.

O fato de você estar disponível para falar do lado de cá, não quer dizer que a pessoa está disponível para falar do lado de lá. Envie sua mensagem e aguarde, apenas isso. Não fique com a janela da mensagem aberta esperando ansiosamente, não fique uma pilha de nervos se não te responderem em menos de dois minutos, não reclame da pessoa que recebeu e ainda não respondeu. Apenas aguarde, afinal, se você fosse a outra pessoa e estivesse ocupada, não iria gostar de ser incomodado.

Seja paciente e pense nisso.

🖤 Elemento utilizado na imagem destaque é autoria de Madebyoliver e publicado pelo Flaticon. :)

✓ publicado em 22 de agosto de 2016 por Bruna Diniz